segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Recomeçar pela valorização do torcedor


Venho lutando á muito tempo dentro no Conselho pela redução das mensalidades; pela criação do sócio estudante; por valores diferenciados para as mulheres e pela importância da valorização das crianças no quadro social.
Penso no futuro. No hoje que garante o amanhã. 
Crianças e jovens. O futuro que se escreve no presente.
E também tornar possível ao torcedor levar sua namorada, noiva, esposa.
Quando vou ao Clube, vejo jovens trabalhando. 
Assim como pedi a renovação do conselho, peço hoje a valorização dos jovens que trabalham dentro do Clube.
Tem gente boa lá. Com uma nova visão sobre o futebol.
Tenho uma informação preliminar de que a próxima reunião do Conselho deve ser dia 28 de novembro. 
O Clube precisa se fazer acreditar. 
O Clube precisa se aproximar novamente do torcedor.  O excluído torcedor de 2010. 
Se for preciso, perdoar as dívidas dos sócios, vamos perdoar. Nós torcedores já perdoamos tanta coisa.
Além da limpeza necessária e urgente em várias diretorias, é preciso voltar a valorizar a torcida. É preciso renovar e valorizar os jovens dirigentes. Principalmente na área de marketing. É urgente uma nova política de mensalidades. 
E quem sabe além de renovar, se faz necessário diminuir o número de conselheiros. Somos mais de duzentos e a média nas reuniões é de 25. Tem conselheiro que só aparece em coquetel, sorteio e votação.
Quero continuar lutando pelo Avaí, mas preciso ver propostas que tragam o torcedor de volta ao Clube. 
Sócio estudante; valorização das crianças; preços reduzidos para as mulheres; promoção para sócios adimplentes; redução nos valores das mensalidades no setor D e nas descobertas.

Se o Clube quiser me provar que 2010, findou e que está valorando o torcedor, as mudanças passam necessariamente por uma nova política de mensalidades e pela renovação de seus dirigentes.
Espero como torcedora/conselheira a nova reunião do Conselho. 
Em 2010 me desliguei desse conselho por discordar dos novos valores. 
Voltei em 2011. 
Espero que a direção me permita e a todos os conselheiros, aprovar a redução desses valores. 
Seria um mea-culpa de todos nós.
Pedindo de joelhos que o torcedor volte pra casa.

12 comentários:

Anônimo disse...

Sobre conselheiro uma solução seria alteração no estatuto exigindo presença dos mesmos.

nº x de faltas em reuniões não pode votar, só voltaria a ter direito a voto quando participasse de x reuniões seguidas!

isso é um problema que se vê em varias entidades, pessoas com diretos a voto só aparecem em dia de votação para atender interesse de terceiros!

Kk de Paula disse...

Concordo plenamente. Mudança no estatuto.

Ana Mara disse...

Que moral tem um borra botas de falar dos torcedores avaianos que estão com medo de encerrar o ano sendo humilhados pelo figueirense, justamente esse covarde que passou o ano com medo de criticar seu chefe e nos levou (e aos coitados) justamente a essa situação de medo generalizado. Ele que lida com m... diariamente, passou o ano sentado naquele vaso sanitário que postou com medo do seu chefe e agora se acha na condição de pagar moral contra pobres e indefesos torcedores que foram por ele manipulados o ano todo. Cagão é ele, covarde e além do mais, mau caráter, pois manipulador em defesa de seus interesses pessoais

Quero ver o corajoso do chefe dele passar no meio da torcida nos próximos jogos. Ele poderia desfilar junto, tão corajoso que é.

Avaiano de corpo, alma e coração! disse...

Kaká, para Presidente do Avai já... Vamos começar uma campanha para colocar vc na presidência. Uma pessoa com visão futura, planejamento, que pensa na torcida e trabalhará em pro desta. Alguem que ama o AVAI sem esquecer da torcida que tem o mesmo amor, pessoa fiel aos princípios a entidade AVAI FUTEBOL CLUBE. Alguem que quer somar e não dividir, alguem que se doa sem pensar em vantagens próprias e dividendos, alguém que terá a Justiça sempre como meta e terá pessoas do bem ao seu lado para o bem do mesmo clube. Por isso inicio aqui a campanha de Kátia para presidente do nosso Clube. Trabalho feito com calma, deixando o tempo acertar o ritmo de ter o nosso AVAI de volta. FORTE E ETERNO MAS COM ESTRUTURA PARA SE MANTER ENTRE OS MAIORES DO NOSSO FUTEBOL. Um time que nos orgulhe e não nos envergonhe, um time para chamarmos de nosso, o nosso AVAI. Acho que essa queda nos fará ressurgir das cinzas e renasceremos mais fortes, porem deveremos aprender a sermos humildes, subindo um degrau de cada vez para nos mantermos por muito tempo dentro da felicidade e equilibrio de ter uma grande equipe. Tamu junto, KK. Vergonha não é errar, não é cair. Vergonha é permanecer no erro e fechar os olhos e não mudar. Então vamos começar pela presidencia deste clube tão amado por nós!

Anônimo disse...

Meu nome é Eduarda. Sou sócio do Setor A.
Cara Kaká...parabéns pelos seu blog...sempre com comentários equilibrados e muito lúcidos em relação ao nosso Avaí.
Concordo inteiramente com o post que colocastes.
Se este Conselho fajuta ouvir e colocar em prática o que estás sugerindo seria algo fantástico e por qual a torcida está esperando desde 2010.
Precisamos chamar de volta o povão para a Ressacada...precisamos acariciar nosso torcedor...preciso voltar nossos braços a quem leva o Avaí no colo...É preciso dar um choque de gestão na área do marketing e principalmente na área do futebol.
Mas, tudo isso, passa por todas ESSAS MUDANÇAS sugeridas por você na reunião do conselho, na qual assino em baixo.
Resta saber se este conselho, ainda é marionete do Zunino ou tem autonomia para decidir as coisas para o bem do clube.
ACORDA AVAÍ..ACORDA CONSELHO...OUÇAM A KAKÁ DE PAULA!!!
Um abraço.

Anônimo disse...

Desculpe...por um erro de digitação coloquei meu nome como Eduarda no comentário anterior...não é...meu nome é no masculino, portanto, Eduardo, rs..rs...

Wilson de Almeida disse...

O Avaí Futebol Clube sem torcida não é NADA!

O senhor João Nilson Zunino deveria saber disso.

Seu Cunha disse...

Existe no Estatuto uma cláusula que determina que nº X de faltas o decorativo é excluído.
Pergunta, por que não cumprem o Estatuto?

Abraços!

Kk de Paula disse...

Seu Cunha, eu vou perguntar. Se existe essa cláusula porque tem membro que nunca tive o prazer de conhecer em qualquer uma das reuniões que fui.

Seu Cunha disse...

KK não precisa perguntar. Te dou de bandeja, não sou conselheiro, mas conheço um pouquinho o Estatutodo meu clube.

Art. 52. Perderá o mandato o Conselheiro que:
a) faltar a 4 (quatro) reuniões consecutivas ou a 6 (seis) alternadas, sem motivo justificável; b) deixar de contribuir com as taxas estabelecidas.

Abraços!

Kk de Paula disse...

Então vou pedir que a mesa diretora faça esse levantamento através das atas e se faça cumprir o estatuto.
Na próxima reunião farei isso.
Confesso que desconhecia essa determinação estatutária. Vou pedir cópia do estatuto para ler, já deveria ter feito isso.
Abraços e obrigada pela contribuição.

Anônimo disse...

KK, consegui abrir seu blog pelo Mozilla.

Sobre o que se deveria fazer no Avaí, pensop que o futuro está totalmente nas mãos do Conselho Deliberativo, que escolherá entre ser Deliberativo ou Corroborativo.
Já teclamos a respeito e penso que assim como houve no Vasco da Gama, o início deve partir de um grupo de conselheiros através de um movimento fundamentado e com idéias claras se possível colocadas num site para que todos os avaianos possas estar por dentro do que se pretende.

Não sou conselheiro, nem sócio, mas quero muito ajudar.

Abraços

Murilo Moreira
moreiramurilo@Hotmail.com