domingo, 12 de fevereiro de 2012

O clássico catarinense


Oras bolas, estou só esperando o passar das horas.
A hora da bola, rolar.
O embolar das torcidas;
O separar dos amantes;
O ansiar dos ansiados;
O saciar do vencedor;
O silêncio do derrotado;
O cegar da justiça.
A rivalidade que nunca finda. 
O clássico catarinense.
O jogo que nunca termina.
Rola, bola!

2 comentários:

Serjão Jr disse...

Urra Leão.
Tamo junto!!!

Dinho L V disse...

Que nosso time entre em campo como sempre, na humildade, com aquela garra e determinação características de um verdadeiro esquadrão azurra.
Assim, se Deus quiser,a vitória virá ao natural!


Vai Prá Cima Deles Leão!