quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Rancho de Amor à Ilha (versão avaiana)

Thiago um torcedor avaiano, deu a idéia de ser fazer uma versão do Rancho de Amor à Ilha para ser cantado pela torcida avaiana. Ele sugeriu um concurso. Como não tenho tempo pra elaborar um, pedi a uma amiga poeta e compositora, Larissa Poeta de Melo. Ela fez a versão para uma estrofe desse lindo Rancho. 
Como é para cantar nos jogos, achei legal ser mais curta. Mas está aberto para os avaianos " incrementarem" e claro, cantar nos jogos. Chega de cantar somente o que já é cantando por torcidas de outros Clubes.
(Também o  Ivar (pai das lindas três Marias) pediu para eu postar.) 
Então... aí vai:






Rancho de Amor ao Avaí 
(Versão de Rancho de Amor à Ilha)



"Um pedacinho de terra,
Um leão a urrar!
Num pedacinho de terra,
Um time a lutar

Jamais a natureza
reuniu tanta grandeza
jamais uma torcida
teve tanto pra cantar!
Num pedacinho de terra
O Avaí a jogar!"

5 comentários:

Rodrigo Moskorz disse...

Quem sou eu pra julgar algo assim, que mal consigo rimar "pé" com "chulé", mas o resultado me pareceu um tanto poético demais, difícil de ser cantado.
Imagino que precise ser algo com uma linguagem mais leve, direta, sem um português muito rebuscado.
As conjugações "... a lutar", "... a jogar" emperram um pouco o ritmo de um canto de torcida, ritmo este que o "Rancho" não se encaixa.
Talvez uma acelerada na melodia e uma simplificada na letra possa dar um resultado melhor.
Parabéns pela iniciativa, abraço,
Rodrigo.

Kk de Paula disse...

Rodrigo, é só o começo, uma idéia para a torcida. Cantar mais acelerado fico legal.

Anônimo disse...

RIDICULOOOOOO COMO SEMPREEEEE....

Kk de Paula disse...

Anônimo, que bom que tu não gostou. Eu ficarei preocupada se tivesses aprovado.

Guilherme Flemming disse...

Ridiculo são todos os covardes que postam como anonimos