terça-feira, 6 de março de 2012

Cada um faz o seu trabalho

O gerente de Futebol do Avaí anunciou nessa tarde em entrevista coletiva, punição para os jogadores Cléverson e Capixaba (multa) e Gilmar (afastado por tempo indeterminado).
As punições são em decorrência do comportamento (indisciplina) desses jogadores durante o jogo contra o Criciúma.
Se não houvesse punição, o Clube seria considerado omisso e sem comando.
Como puniu, não sei o que a "turma" vai dizer.
Mas, com certeza, as "internas" (vestiários) do elenco (empregados do Clube) quem deve conhecer analisar e emitir parecer são Arini e Ovelha. Contratados e, portanto empregados do Clube também.
Se todos os profissionais contratados pelo Clube, fizerem bem o seu trabalho e  um não interferir no trabalho do outro...eita, nosso futuro será sempre Azul.
Sem 'ciumezinho' , com competência, transparência e sempre em prol do Avaí.

4 comentários:

Alexandre Carlos Aguiar disse...

Boa, não teria dito melhor.

Dinho L V disse...

Concordei plenamente com todas as punições. São profissionais e tem que se comportar como tais, senão...

Anônimo disse...

Hoje, parece que dá status, fama, o cara meter o sarrafo no time, eu percebo nos blogs por aí. Eu não vejo ninguém dizendo, ora, habemus zaga, o Leandro Silva e o Rafael pode dar samba. Os laterais deu uma melhoradinha, não é uma brastemp, mais o Patrick e o Aelson estão melhorzinhos. No meio o Cleber Santana e o próprio reserva Bruno também são razoáveis. Claro que falta um meia de ligação (camisa 10) e 1 centro-avante, o outro de frente, alguns criticam o Capixaba, mais pra mim ele pode ser este 2º atacante, falta aquele de área. Mais o politicamente correto, até para atender a revolta interior do time ter caído para segundona, vendo o rival teóricamente na crista da onda, é meter o sarrafo no Avai. Eu não, o Avai pode ser a mulher mais feia do mundo, mais pra mim, sempre vou achar a mais bonita. Fernando Avaiano.

Alexandre Carlos Aguiar disse...

Fernando, me permite discordar quando você diz que não vê gente apoiando. Bom, ao menos eu e a Kaká estamos nos esforçando.