quarta-feira, 22 de março de 2017

Dazumbanho, mô quirido!

Fotos: Jamira Furlani

Depois de um primeiro tempo irreconhecível e estar perdendo por dois a um, Claudinei reconheceu que Renato ainda não está pronto pra jogar no Avaí. No intervalo o bom técnico Avaiano colocou o estreante Lucas Otávio e o Avaí começou a trilhar o caminho da virada.
Capa chutou em gol, a bola foi desviada pelo zagueiro do Tubarão e entrou. Esse gol no primeiro tempo deu esperança a torcida Avaiana, e o Avaí não nos decepcionou.

Com a mexida correta no intervalo o time da Ressacada foi pra cima do Tubarão. 
Mas Claudinei errou na substituição seguinte ao tirar de campo o lateral Gustavo deslocando Lourenço para lateral e colocando em campo Vinícius Pacheco. O jogador que entrou foi o certo, mas o que saiu foi errado. Tanto foi errado que Claudinei consertou tirando Lourenço, passando Alemão da zaga para lateral e colocando em campo o jogador Gustavo.
Marquinhos, o capitão e ídolo Avaiano, fez de cabeça o gol do empate (jogou muita bola o galego).
Lucas Otávio deu nova vida ao meio campo e o Avaí cresceu em campo a cada minuto do segundo tempo. E não deu outra. Com Vinícius em campo e Alemão atuando de lateral, o Avaí mostrou que é superior ao Tubarão e chegou ao gol da virada pelos pés de Denilson 'Pé de Valsa'.
Um jogo que mostrou o acerto de Claudinei ao indicar o baixinho Lucas 'Balduino' Otávio para contratação azurra e mais ainda, que Claudinei não é cabeça dura. Sabe reconhecer seu equívocos porque conhece do riscado.

Muito pra trabalhar e melhorar para o Brasileiro. Mas a volta dos titulares que estão fora por lesão e a chegada de jogadores, nos credenciam a ir buscar mais um título catarinense.
Na raça e na vontade de todos em campo, na qualidade de Marquinhos, na competência do Claudinei e em noite de homenagem ao aniversário da nossa linda Florianópolis, o Avaí fez um jogo emocionante na nossa linda capital.
Parabéns FloripAzul, sua linda. O nosso Avaí te dedica essa vitória: De virada é mais gostoso!
#Floripa344Anos
#VamosEmBuscaDaTaça

Escalação do Avaí:




domingo, 19 de março de 2017

Leões não morrem na véspera



O nosso Avaí conquistou mais uma vitória no catarinense jogando um bela partida diante do Metropolitano em Blumenau.
Além da vitória que recoloca o nosso time na briga pela conquista do returno, mostrou aos descrentes que o Leão não morre na véspera, muito menos o seu ídolo maior.
Com gols de Júnior Dutra (2), do M1t0 (em cobrança magistral de uma falta) e outro de Vinícius Pacheco (que entrou no segundo tempo), o Avaí goleou seu adversário e mostrou mais um jovem jogador: Lourenço.
Ainda com dificuldades pela falta de sua dupla titular de volantes e Caio César achando que joga muito (quando deixar de se postar como craque vai mostrar um futebol mais qualificado), a vitória foi incontestável.
Manter o foco e a união do grupo, continuar trabalhando sério e não dar ouvidos pra 'secadores' que se manifestam como 'profetas do apocalipse' diante de uma derrota, a luta pelo returno é possível e vamos brigar por ela até o fim.
A disputa agora é pelo estadual! 
Se manter na luta e não deixar de analisar as peças que serão necessárias para qualificar o elenco na disputa do brasileirão é o caminho a seguir.
#VamosEmBuscaDaTaça
A foto de Patrick Rodrigues/Agencia RBS, é significativa: o ídolo (desfocado pela visão curta de alguns) é parte fundamental dessa equipe. 

domingo, 12 de março de 2017

Avaí conhece sua primeira derrota no Estadual

Avaí 2 x 3 Criciúma - Foto: Jamira Furlani


O nosso Avaí perdeu seu primeira partida no estadual.
Saímos vencendo com um gol do Denilson, mas a lesão do Rômulo fez Claudinei repetir o erro que havia cometido no jogo contra o Internacional de Lages. Adiantou Gustavo, que estava bem jogando como lateral, e colocou em campo Léo. Não deu certo novamente. Contra o Inter nos custou um empate e hoje contra o Tigre, colhemos nossa primeira derrota.  O Criciúma virou a partida. Claudinei tem muito crédito e claro, tem que usar esse returno para observar e concluir o que falta para completar o seu elenco que jogará a série A e quais os jogadores, do atual elenco, não poderão participar do Brasileirão por deficiência técnica.
Durante o segundo tempo ele, Claudinei, tentou arrumar o estrago. Colocou Vinícius Pacheco e Yuri. O Avaí chegou ao empate em cobrança de pênalti de Júnior Dutra, mas com um gol contra do Betão e o Criciúma fez seu terceiro e deu números finais a partida.
Durante todo o turno o Avaí havia tomado apenas 3 gols. Hoje no primeiro jogo do returno tomou 3.
É ficar ligado e focado para que os erros do jogo de hoje não se repitam.
Perder faz parte do jogo, mas acredito que se o nosso técnico não tivesse se equivocado na substituição do Rômulo, o Avaí poderia não conhecer a sua primeira derrota hoje.
Bola pra frente, temos um bom técnico e a certeza de que com um elenco que está sendo qualificado, terá mais opções de jogo e de substituições. 
#VamosEmBuscaDaTaça

domingo, 5 de março de 2017

Invictos: Vamos em busca da outra taça!

Elenco e comissão técnica do Avaí com a taça do primeiro turno.
Foto: Jamira Furlani

O nosso Avaí conquistou invicto o primeiro turno do catarinense 2017.
Jogando com um time reserva, o Avaí empatou com o Internacional de Lages num bom jogo na Ressacada.
Agora é focar no returno e também aproveitar para ouvir o Claudinei sobre contratações pontuais necessárias para a disputa do Brasileirão.
Um bom jogo do goleiro Douglas, do lateral Gustavo Santos e para nossa alegria, um bom jogo do Vinícius Pacheco que retornou após 9 meses parado. Além de se movimentar bem na partida, fez o gol Avaiano. Isso é muito positivo para todo elenco.
Arbitragem horrorosa! Cuidado com eles no returno, Avaí!
Devemos continuar focados para a conquista do returno. Seria um feito histórico.
Parabéns aos jogadores, comissão técnica e a nossa torcida por essa conquista que nos garante como finalistas do campeonato catarinense.
Mas mesmo tendo já a sua vaga garantida, ganhar o returno é possível.
#VamosEmBuscaDaOutraTaça

quarta-feira, 1 de março de 2017

A quarta foi de cinzas!

Foto: Jamira Furlani

Um primeiro tempo muito ruim custou ao Avaí a vitória durante os noventa minutos.
Dois chutes foram tentados de fora da área pela Luverdense... o terceiro entrou.
A meia cancha com Renato e Ferdinando não funcionou novamente. No Clássico já foi um problemão. Fora isso, o goleiro deles foi feliz nas defesas que os chutes dos Avaianos exigiram.

No segundo tempo Claudinei consertou um pouco. Sacou Renato e Diego Jardel (que também não estava bem no jogo), colocando em campo Caio César e Júnior Dutra. O Avaí foi pra cima da Luverdense e empatou num rebote do goleiro em chute do Marquinhos. A bola sobrou para Júnior Dutra e esse fez a bola beijar a rede.
Claudinei demorou para tirar Ferdinando. Mas o Avaí continuou indo pra cima. Mesmo com as boas atuações de Betão, Alemão e Marquinhos, com o crescimento do time nas entradas de Dutra e Caio, e ainda de Meneses no lugar de Ferdinando, o Avaí não conseguiu a virada porque o goleiro adversário continuou pegando tudo.
Nos pênaltis Marquinhos, Rômulo e Leandro Silva cobraram mal e o Avaí foi desclassificado da Copa do Brasil. 
Deixamos de ganhar o jogo pelo péssimo primeiro tempo e pela boa atuação do goleiro. E deixamos escapar a classificação nos pênaltis porque 3 dos nossos não foram competentes nas cobranças.
6 meses sem percalços sérios, o Avaí hoje deixou escapar uma classificação onde tinha tudo pra conquistar. Tinha mais time, mas errou na escalação e não foi competente na cobrança dos pênaltis. 
Quarta de cinzas (mas só até a meia noite, amanhã é outro dias)!
#Vamosembuscadataça